Acção voluntária de limpeza no Rio Sorraia em Coruche

Limpeza do rio Sorraia

Estudantes do curso de Direito da Universidade Nova de Lisboa (AEFDUNL) realizaram no passado sábado 12 de outubro uma acção voluntária de limpeza no Rio Sorraia, na vila de Coruche.

Uma excelente iniciativa, na qual, o Movimento Juntos pelo Sorraia teve oportunidade de participar. A iniciativa apelava a mobilização da comunidade de Coruche e arredores para realizar a limpeza da frente ribeirinha que se apresentava super povoada de jacintos de agua. Com o esforço dos alunos e alguns voluntários foi possível realizar esta limpeza de uma maneira eficaz e algo criativa, retirando e soltando as manchas de jacintos de maneira a os apanhar numa barreira feita de corda de pesca e cortiça não fosse Coruche a capital da cortiça.

Diogo Duarte e Paulo Seguro foram os elementos do juntos pelo sorraia que participaram na ação, que além do principal objetivo “a limpeza do Rio Sorraia”, permitiu também sensibilizar a população para a problemática das pragas existentes no mesmo e para a necessidade de uma requalificação integrada do leito e das margens do Rio Sorraia.

Segundo Paulo Seguro a iniciativa foi uma novidade para muitos, mas em especial para jovens Estudantes do curso de Direito da Universidade Nova de Lisboa (AEFDUNL), que certamente retiraram muitos ensinamentos desta experiência, a remoção de Jacintos de Água teve uma área de atuação aproximada de 100 metros.

Diogo Duarte refere que “ em cada iniciativa que realizamos aperfeiçoamos o trabalho que fazemos e aumentamos a motivação pela qual nos regemos na procura da mudança e exigência de ação pela parte das juntas e respetivos municípios, o cenário nunca foi nem é bonito mas são iniciativas destas pela parte das comunidades jovens que nos dão a esperança necessária para continuarmos o combate as espécies invasoras e aos causadores de poluição no nosso Rio Sorraia, e serão gotas de esperança como estas que irão encher de novo o rio e devolver-lhe toda a vida que em tempos já possuiu.”

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *